Pessoas que sofrem por causa da mente reativa

 

 

Jean Paul Sartre frase sobre a liberdade.

 

 

Jesus orientava as pessoas a oferecerem a outra face se forem agredidas. Este mesmo Jesus derrubou as barracas dos cambistas dentro do templo de Jerusalém. Existe contradição nestas duas posturas do grande Mestre? Não existe, se entendermos qual é a essência da mensagem de Jesus.

 

Refletiremos a partir de um exemplo: Antônio diz para os amigos que o João é seu “escravo”, pois ele é capaz de deixar o João bravo a hora que quiser. João conversa feliz, Antônio chega perto dele e começa a provocá-lo. Em poucos minutos João está enraivecido e Antônio está feliz. João fez o que o Antônio quis porque está acostumado a ser “mandado” pelo que acontece fora dele. João é reativo, por isto desvia dos seus objetivos e das suas escolhas sempre que é estimulado. Jesus nos alerta que isto é um absurdo. A pessoa deve seguir seu caminho e treinar para não se deixar dominar pelos estímulos que chegam até si. Este é o sentido de “dar a outra face”: não ser controlado pelo que vem de fora.

 

Mais

Anúncios

Pablo Neruda, o poeta, explica os dois caminhos da vida e do amor

 

Mesmo nos momentos de grandes sofrimentos cuide-se com carinho e preserve as boas lembranças.

 

Por Regis Mesquita

 

Boas lembranças devem ser preservadas! Jamais mate suas boas memórias!

 

Pablo Neruda, poeta chileno, prêmio Nobel de Literatura, usou sua escrita como arma para a conscientização das pessoas.

 

Entre os seus milhares de versos está este:

 

“É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar, esquecer seus olhos, seu sorriso, só porque seus caminhos se desencontraram”.

 

Mais

Autossabotagem: Fernando Pessoa descreve como a autossabotagem dirige a vida da imensa maioria das pessoas

 

 

 

Por Regis Mesquita

 

Os poetas são fantásticos, conseguem tornar claro o que é confuso. Ao ler o poema “Em Linha Reta” de Fernando Pessoa as pessoas tem a oportunidade de pensar: eu estou fazendo isto comigo? Qual o preço que pago por esta escolha?

 

Poucos identificarão como autossabotagem o que é descrito no poema. Mas, o preço que pagam por esta atitude é sabotar a própria qualidade de vida.

 

É difícil encontrar alguém que diz explicitamente: eu me autossaboto. Uma das características da autossabotagem é fazer a pessoa acreditar (mesmo que momentaneamente) que está levando vantagem ao agir contra si mesma.

 

Leia o poema “Em Linha Reta”, depois explico melhor:

 

“Nunca conheci quem tivesse levado porrada.
Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.

 

E eu, tantas vezes reles, tantas vezes porco, tantas vezes vil,
Eu tantas vezes irrespondivelmente parasita,
Indesculpavelmente sujo,
Eu, que tantas vezes não tenho tido paciência para tomar banho,
Eu, que tantas vezes tenho sido ridículo, absurdo,
Que tenho enrolado os pés publicamente nos tapetes das etiquetas,
Que tenho sido grotesco, mesquinho, submisso e arrogante,
Que tenho sofrido enxovalhos e calado,
Que quando não tenho calado, tenho sido mais ridículo ainda;
Eu, que tenho sido cômico às criadas de hotel,
Eu, que tenho sentido o piscar de olhos dos moços de fretes,
Eu, que tenho feito vergonhas financeiras, pedido emprestado sem pagar,
Eu, que, quando a hora do soco surgiu, me tenho agachado
Para fora da possibilidade do soco;
Eu, que tenho sofrido a angústia das pequenas coisas ridículas,
Eu verifico que não tenho par nisto tudo neste mundo.

 

Toda a gente que eu conheço e que fala comigo
Nunca teve um ato ridículo, nunca sofreu enxovalho,
Nunca foi senão príncipe – todos eles príncipes – na vida…

Mais

A esposa que não soube intensificar sua alegria

 

 

Mente Neutra é o estado da mente que te permite ter mais satisfação e gerar mais sabedoria

 

 

O marido escreveu assim no MSN (um antigo programa de troca de mensagens): “sou casado, minha mulher é linda”!

 

A esposa ao descobrir o que ele havia escrito, para todo mundo ver, ficou muito feliz. Um sentimento de amor e satisfação banhou seu corpo e sua mente.

 

Veja o que aconteceu após:

 

A mente reativa foca e mantém na memória o que é negativo ou condicionado. O que não se encaixa nestas duas características é deixado de lado rapidamente. Ou seja, o que é bom e nobre pode causar um grande impacto inicial na mente. Passado o impacto inicial, a mente volta ao seu padrão cotidiano, e as memórias nobres perdem força e caminham para o esquecimento ou para o segundo plano.

 

Mais

O lugar das perdas em uma vida boa

 

 

Torne-se forte. Não espere piedade de quem cultiva erros e maldades

 

 

Olha que interessante este email:

 

“Emprestei trezentos reais para um amigo. Quis ser generoso e camarada com ele. Quase deu certo! Só faltou ele me pagar. Depois que recebeu o dinheiro, ele mudou comigo. Se distanciou e aproveitou do menor problema para brigar comigo. Desta forma, arranjou uma desculpa para não me pagar. A amizade acabou e eu fiquei sem meu dinheiro.

 

Me sinto frustrado, me sinto enganado e me sinto sacaneado. Ele ganhou e eu perdi. Além do dinheiro, perdi muitos momentos sentindo raiva e bolando uma forma de me vingar. Ou seja, meus pensamentos voltam a todo momento para a situação. Realmente, é muito difícil perder!

Mais

Consequências e vantagens da Mente Neutra

 

Mente Neutra é o estado da mente que te permite ter mais satisfação e gerar mais sabedoria

 

 

Para entender este texto sugiro que leia antes o texto: Focar o presente e a simplicidade para amplificar a satisfação

 

A mente reativa reage prioritariamente tentando se defender, por isso sempre foca em problemas e dificuldades. É uma mente que gera pouca satisfação; ela tenta compensar a pouca satisfação através dos desejos e fantasias que cria continuamente. Como consequência, constantemente deixa de focar a realidade e geralmente deixa de priorizar o presente.

 

E a Mente Neutra? A mente só é neutra quando consegue focar o presente em sua simplicidade. No exemplo do texto “Focar o presente …”, o homem decidiu focar no gosto e no cheiro do café especial que estava tomando. Uma atitude simples e COERENTE com a escolha feita. Mente Neutra é assim: após feita a escolha, ela se mantém no presente, usufruindo da escolha e intensificando a vida – sem “poluir” sua percepção com nenhum outro desejo ou pensamento. A prioridade não é se defender, e sim usufruir do que foi escolhido para viver.

 

Mais

A arte de aumentar o próprio sofrimento

 

Todo aprendizado gera facilidades

 

 

No mundo há muito sofrimento porque boa parte das pessoas aumenta os próprios sofrimentos.

 

Vou descrever para vocês uma forma extremamente comum de ampliar o próprio sofrimento.

Mais

Focar o presente e a simplicidade para amplificar a satisfação

 

 

 

Por Regis Mesquita

 

São nos momentos mais simples da vida que encontramos bons exemplos para explicar grandes verdades.

 

O sujeito foi tomar um café especial; um café caro e saboroso que raramente se dispunha a pagar o preço.

 

Naquele dia ele resolveu pagar caro e sentou para tomar o café especial. Sua mente, a mente reativa, estava condicionada a fugir da realidade para as fantasias e se fixar nos desejos e nos problemas. Basicamente, sua mente não estava presente enquanto ele tomava o café.

 

Com a mente focando outro lugar que não o ato de tomar o café, ele praticamente não sentia o gosto do café.

 

Essa pobreza mental continuou até a metade do copo de café. Nesse momento algo aconteceu que o tirou da fantasia mental e o trouxe de volta para a realidade do café caro que havia escolhido tomar.

Mais

Entradas Mais Antigas Anteriores Próxima Entradas mais recentes

%d blogueiros gostam disto: