Meditação contemplativa: Cinco Minutos na Vida de Uma Flor

 

Meditação. Reconciliar a mente com o coração, a fim de que os dois possam caminhar juntos.

 

 

Reconciliar a mente com o coração, a fim de que os dois possam caminhar juntos.

Esta é a explicação mais simples para o efeito que é buscado através da prática contemplativa.

O exercício proposto neste texto, “Cinco Minutos na Vida de Uma Flor”, é o início da prática contemplativa.

Mais

Desocupe sua mente e tenha paz

 

consumismo

Regis Mesquita

O ser humano não consegue manter na consciência, ao mesmo tempo, um grande conjunto de informações.

Ele privilegia algumas informações e despreza outras. Este é o motivo pelo qual a maior parte das pessoas, quando estão procurando o número de uma casa, abaixa o som do rádio do carro. Aparentemente uma coisa não tem nada a ver com a outra. Mas, é assim que o cérebro funciona, ele precisa  “liberar” espaço na mente para a consciência se focar mais intensamente na procura do número.

Se o som de rádio pode ocupar espaço precioso da consciência, o que dizer dos pensamentos/sentimentos que impregnam a mente durante dias, meses ou anos.

Estes pensamentos podem dominar a mente e tornar as pessoas viciadas nas sensações e sentimentos que eles propiciam. Isto faz com que elas se interessem e mantenham na consciência as informações que justificam os pensamentos dominantes em suas mentes. Uma pessoa com ideias fixa em violência precisará de informações relacionadas a este tema; ele precisa deste conteúdo para manter seus pensamentos, sensações e sentimentos focados no tema violência. É um vício que faz com que ele despreze as outras informações e se mantenha fortemente relacionado a estas.

As informações desprezadas são de vários tipos. Aqui no Blog Caminho Nobre existe uma preocupação especial com as informações que são emanadas pelo espírito e que não conseguem espaço para influenciar de modo mais relevante a consciência.

A mentalização abaixo está relacionada à necessidade de desocupar a mente para que as informações do espírito possam ter maior presença na vida da pessoa.

 

 

 

Comece com um questionamento:

“O que mais ocupou a minha mente até este momento do meu dia?”

Observe os temas que ocuparam sua mente. Talvez você não perceba outra forma de agir e pensar. Agora é a hora de ter CONFIANÇA de que você não precisa destes pensamentos te controlando.

 

 

“Eu confio!

Confio que posso ficar sem me ocupar com estes pensamentos.

Eu confio! Mesmo que seja difícil confiar.

Me desligo destes pensamentos e respiro fundo e lentamente.

Eu confio, por isto não penso em nada.

Eu me entrego para o esforço de parar todo pensamento.

Não substituirei por nenhum outro pensamento.

Deixarei vir o vazio. Confio que é ele que me desligará destas preocupações.

Agora entendo que sou viciado nestes pensamentos.

Procurarei minha paz aceitando criar o vazio.

Por isto, decido parar estes pensamentos todas as vezes que eles vierem.

Eu confio que o vazio é curador.

Vou produzir a paz dentro de mim, vou parar estes pensamentos”

 

 

Regis Mesquita

 

[Mentalização 27, do blog Caminho Nobre].

 

 

A confiança é fundamental para atingir o nível mais profundo de desapego das preocupações.

Quando você tenta criar o vazio, paralisa os pensamentos, sua mente tenta boicotar esta paralisia de várias formas. Lembre que sua mente está viciada nestes pensamentos. Ela lutará para manter tudo igual.

Tenha perseverança e mantenha esta mentalização por meses, até que a sua mente se acostume com o prazer de entrar no vazio.

Não tente substituir um pensamento por outros. No início pode ser bom, mas depois inviabilizará as transformações mais importantes. Mantenha-se firme na criação de um vazio.

 

A ideia é gerar paz e menos tensão.  Conquiste a serenidade e clareza mental não permitindo que sua mente fique tagarelando.

Lembre: o vazio passará a ocupar uma parte do seu dia. Junto virá a clareza mental, que você usará para superar desafios. Também haverá espaço para o cultivo de pensamentos e sentimentos nobres; pensamentos de gratidão, por exemplo.

 

 

Para acompanhar as atualizações do Blog Caminho Nobre no Facebook: http://www.facebook.com/FilosofiaDoBomHumor 

 

No twitter: @tvidaspassadas

 

 

 

Campanha:

 

Siga o Blog Caminho Nobre por email.

 

Na coluna da direita, você encontra um lugar para digitar seu email. Após enviar seu email, você receberá um email de confirmação com link para você clicar e confirmar sua inscrição. Após esta confirmação você receberá todos os textos que forem incluídos no Blog Caminho Nobre.

 

 

energia qualidade1

 

 

Imagem:

 

Um pensamento se liga no outro pensamento, que se liga ao outro e assim por diante. É uma corrente com muitos elos. Existem várias destas correntes funcionando na sua mente, o tempo inteiro. Colocar em evidência as correntes de pensamento mais nobres e positivas não basta. É necessário criar um estado mental que permita com que a maioria destas correntes quebre a sua continuidade.

A imagem é o abismo. Os pensamentos se ligam compulsivamente até que caem num “abismo” e não conseguem mais se ligar na nada. De tanto cair no abismo (vazio), estas sequências de pensamentos ficam cada vez mais fracas ou desaparecem.

 

 

Para refletir:

 

Os bons recursos que desenvolvemos em uma encarnação podem ser utilizados ou não em outra encarnação.

 

Se forem estimulados, far-se-ão presentes, influenciando as ideias, as intuições, os sentimentos e as sensações. Estes recursos são bloqueados quando as escolhas pessoais não os estimulam.

 

Prepare-se para oferecer ao seu espírito bons estímulos. Bons estímulos dinamizam as memórias que estão em sintonia; ou seja, que também são boas e positivas.

 

Pensamentos baseados nos ensinamentos do livro Nascer Várias Vezes

 

(O texto acima foi originalmente divulgado na página Nascer Várias Vezes – Facebook)

 

 

 

Leia também:

 

Ao invés de ampliar seus desejos, amplie sua consciência

 

A quietude da mente gera paz e serenidade

 

Serei um aproveitador de tudo que há em mim

 

Para evoluir é necessário reencontrar a autenticidade do próprio espírito

 

Vídeo: como largar o vício de pensar

 

Auto-sabotagem: Fernando Pessoa descreve como a auto-sabotagem dirige a vida da imensa maioria das pessoas

 

 

 

PS: agradeço às pessoas que acompanham o blog Caminho Nobre, seja recebendo as mensagens via email, sendo seguidoras ou visitando-o de vez em quando. De “boca em boca” os números estão aumentando. Sua participação na divulgação do blog é fundamental.

Obrigado!

 

 

 

favoritos

 

Vídeo: como largar o vício de pensar

Este é mais um vídeo interessante de Eckhart Tolle.

 

 

 

Outro vídeo do mesmo autor: O poder do agora. Meditação contemplativa.
https://caminhonobre.com.br/2011/07/14/video-o-poder-do-agora-meditacao-contemplativa/

Para entender um pouco melhor a importância destas paradas do pensamento do ponto de vista espiritual sugiro este texto:

 

Para evoluir é necessário reencontrar a autenticidade do próprio espírito
http://www.nascervariasvezes.com/2011/09/regressao-e-o-reencontro-com.html

 

 

Uma breve explicação psicológica sobre o tema: nosso cérebro funciona ligando os pensamentos. Quando você, por exemplo, encontra um amigo de infância, várias lembranças começam a aflorar. Uma lembrança ajuda outra lembrança e assim por diante. Este padrão no qual um pensamento desencadeia o seguinte que é considerado pelo autor do vídeo como um vício.

Se você ficar o dia inteiro andando de um lado para o outro ficará cansado, esgotado. É exatamente isto que você faz com sua mente. Por isto, pessoas que pouco fazem ficam tão cansadas – a mente está a mil. Isto gera muito stress negativo.

Quebrar a cadeia sequencial de pensamentos, mesmo que seja por poucos segundos, gera descanso e satisfação. Ajuda a gerar paz interior.

 

 

Somos nós que construímos nosso sofrimento.

Para acompanhar as atualizações do Blog Caminho Nobre no Facebook: http://www.facebook.com/FilosofiaDoBomHumor

 

No twitter: @tvidaspassadas

 

 

Leia também:

 

Lista com todas as mentalizações do Blog Caminho Nobre https://caminhonobre.com.br/mentalizacoes/

 

Estimulando a Felicidade https://caminhonobre.com.br/2013/04/24/estimulando-a-felicidade/

 

Gerando boas vibrações para dinamizar a vida https://caminhonobre.com.br/2012/03/01/boas-vibracoes/

 

Corrigir erros, método certeiro para fortalecer a mente e ampliar a consciência https://caminhonobre.com.br/2011/12/18/corrigir-erros/

 

Lei da Oferta e exercícios para se desidentificar do ego https://caminhonobre.com.br/2011/07/02/lei-da-oferta-e-exercicios-para-se-desidentificar-do-ego/

 

O lugar das perdas em uma vida boa https://caminhonobre.com.br/2011/05/24/o-lugar-das-perdas-em-uma-vida-boa/

 

Vergonha – como superar este sentimento quase inútil no adulto? (o fator mínimo) https://caminhonobre.com.br/2011/04/29/vergonha-como-superar-este-sentimento-quase-inutil-no-adulto-o-fator-minimo/

 

O Ego precisa de certezas https://caminhonobre.com.br/2010/05/12/o-ego-precisa-de-certezas/

 

 

 

favoritos

Anúncios que porventura apareçam no blog são de inteira responsabilidade do WordPress, que é o destinatário dos lucros com eles obtidos, e não têm absolutamente nenhuma relação com o conteúdo ou com o responsável pelo Blog Caminho Nobre.

 

 

A única venda que este blog indica são os livros do seu autor, Regis Mesquita. Todavia, entendo que o WordPress, que hospeda gratuitamente este blog, tem que ter seus próprios meios de sobrevivência.

 

 

Meditação: dicas para iniciantes

 

 

Meditação, dicas para iniciantes

 

 
Amigos,

O texto abaixo é do Osho. É um bom texto para quem está começando na meditação.
 

MEDITAÇÕES PARA PESSOAS OCUPADAS

 
“Como você olha para as coisas depende de você, não das coisas. A menos que você chegue ao ponto onde deixe de interpretar a mente e passe a olhar diretamente, um olhar imediato, a mente é o seu mediador. Ela lhe traz as coisas distorcidas, ela lhe traz as coisas misturadas com interpretações. Elas não são puras.

Assim a única maneira de alcançar a verdade é aprender como ser imediato na sua visão, como dispensar a ajuda da mente… Esse agenciamento da mente é o problema, porque mente só pode criar sonhos. Mas a mente pode criar lindos sonhos e você pode ficar bem entusiasmado. Através desse entusiasmo o sonho começa a parecer como realidade. Se você estiver excitado demais então você fica intoxicado, assim você não está em seu senso. Então o que quer que você veja é apenas sua projeção. E existem tantos mundos quanto existem mentes, porque toda mente vive em seu próprio mundo.

Mais

Vídeo: o poder do agora. Meditação contemplativa.

 

 

 
Amigos do Blog Caminho Nobre,

 

O vídeo acima é do pensador Eckhart Tolle, conversando sobre o poder do agora. O poder que há em manter a mente no presente, sem acrescentar nada a ele. Mais

A arte de aumentar o próprio sofrimento

 

Todo aprendizado gera facilidades

 

 

No mundo há muito sofrimento porque boa parte das pessoas aumenta os próprios sofrimentos.

 

Vou descrever para vocês uma forma extremamente comum de ampliar o próprio sofrimento.

Mais

%d blogueiros gostam disto: