Tudo o que não provém do espírito é sempre pequeno

 

Elimine suas preocupações cotidianas para que o espírito se manifeste.

 

 

Por Regis Mesquita

 

A imaturidade e a falta de sabedoria são duas grandes causas de sofrimentos.

 

Se falta sabedoria, a mente cria sofrimentos aonde poderia haver paz, alegria e satisfação.

 

Por exemplo: um adolescente pode se trancar no quarto e sofrer durante horas ou dias por causa de uma espinha no rosto. Décadas depois ele dirá: “como fui bobo por sofrer por algo tão pequeno!”

 

O que mudou? O problema passou, a pessoa amadureceu e percebeu que criou muito sofrimento para si mesmo.

 

Esta é a vida do ser humano. À medida que desenvolve sabedoria, ele descobre que criou e continua a criar sofrimentos para si mesmo.

 

A imaturidade transforma o ser humano em um masoquista que fica fazendo discurso sobre qualidade de vida e prazer.

 

 

solicite agora e receba no seu email: regismesquita@hotmail.com

Mais

O que é ser humilde? Saiba como a humildade vai te ajudar a ter uma vida melhor

 

Os tolos sabem, os sábios sempre aprendem.

 

 

Humildade não é se diminuir e nem se vangloriar. É ser livre.

 

A Bíblia traz alguns trechos muito interessantes para quem quer entender o que é ser humilde.

 

Cito dois:

“…a si mesmo se humilhou” (Fl 2.8).

“…agrada-me fazer a tua vontade, ó Deus meu; dentro em meu coração está a tua lei” (Sl 40.8).

 

Vamos entender estes trechos sob a ótica da espiritualidade e não da ideologia que transforma pessoas pobres em humildes.

 

Mais

Sobre como os desejos produzem a maldade

 

Que a paz caminhe para dentro do meu coração e que a gratidão me ajude a agarrá-la com firmeza. Sou o responsável pelo que se fortalece em mim. Regis Mesquita Mentalização 19 do Blog Caminho Nobre

 

 

Um dos objetivos do blog Caminho Nobre é usar SITUAÇÕES DO COTIDIANO para explicar conceitos chaves da vida humana.

 

Abaixo segue uma explicação sobre como os desejos se transformam grandes geradores de maldades.

 

Ao ler o texto abaixo peço que lembrem que vivemos em uma sociedade consumista, na qual os desejos possuem grande poder. Lembrem também do aumento generalizado da agressividade e do egocentrismo disseminado por todo o planeta.

 

Joana queria muito um peixe.

Seus pais queriam vê-la feliz.

Compraram o peixe.

Eles queriam realizar o desejo da filha. Ela queria ter um peixe.

Ninguém queria cuidar decentemente do peixe.

Onde existe tanto querer, tanto desejo, alguém vai sofrer.

 

Mais

Mutualismo e humildade: 100 trilhões de bactérias vivendo no nosso corpo

 

Colaboração é a base da vida. Saiba porque.

 

 

Por Regis Mesquita

 

Nossa sobrevivência e saúde dependem das bactérias do nosso corpo

 

O jornal norte-americano The New York Times publicou a seguinte notícia:

 

“Durante anos as bactérias foram vistas como vilãs e tidas como responsáveis por infecções e doenças. Ou seja, algo que se deveria evitar a todo custo.

 

Mas agora, sob o olhar mais detalhado de pesquisadores, bactérias ganharam um papel de destaque que vai muito além da saúde e da doença. Os 100 trilhões de bactérias benignas que habitam o corpo humano desempenham um papel vital na vida das pessoas.

 

Mais

Para a consciência seguir a lógica do espírito é preciso treinamento

 

 

 

Por Regis Mesquita

 

O ego tem uma lógica, o espírito tem outra.

A maior parte das pessoas tem dificuldade de entender a lógica do espírito porque usa a lógica do ego nesta avaliação, o que é inadequado.

 

Frases de Jesus, como dar a outra face caso seja vítima de violência (veja aqui), parecem coisa de masoquista, se forem avaliadas pela lógica do ego. Mas, a lógica do espírito sabe que é de grande sabedoria e somente os que se fortalecerem conseguirão colocá-la em prática.

 

A diferença começa com o fato do ego sempre precisar se sentir no controle. Esta necessidade é tão forte, que costumeiramente (para ter a sensação de controle) o ego prefere se iludir, se enganar, criar falsas crenças.

 

Mais

Todo bem que tu plantares será retribuído em vosso interior

 

Você não controla tudo o que acontece com você, mas pode controlar sua reação ao que acontece.

 

 

Todo bem que tu plantares será retribuído em teu interior.

 

Não foque os resultados que são externos a ti.

 

Ninguém controla tudo o que acontece à sua volta.

 

Fuja da ilusão e encare a verdade.
Mais

Gerando boas vibrações para dinamizar a vida

 

Você possui grandes recursos no seu interior. Confie em você.

 

 

Por Regis Mesquita

 

Um dos preceitos mais importantes da Educação do Espírito é que todas as pessoas devem facilitar a comunicação entre o inconsciente e a consciência, entre o espírito e a consciência e entre a espiritualidade e a consciência.

 

A consciência recebe informações cotidianas e reage a elas. O sinal de trânsito, por exemplo, fecha e ela manda o corpo parar o carro. Ao receber a informação de que o sinal ficou verde, ela acelera o carro e segue em frente. Ou seja, a consciência usa estas informações para tomar decisões relevantes para a sua vida.

 

Existem algumas informações que a consciência normalmente despreza. São informações e estímulos muito importantes. São estímulos que têm origem no próprio espírito (ele é ativo e interage com o corpo e com a mente), na espiritualidade e naquilo que está guardado no inconsciente.

 

As informações mais nobres e importantes para sua vida são sutis, “surgem” de dentro de você ou estão presentes nas vibrações do ambiente. Você está preparado para escutar, perceber e valorizar estas informações? (Dica: desenvolva esta habilidade com os ensinamentos do livro A Espiritualidade no Dia a Dia: clique aqui)

 

Importante: a consciência deve estar aberta para perceber as informações, vibrações e outros estímulos que tem sua origem no plano espiritual, no inconsciente da pessoa ou em vibrações sutis presentes no ambiente.

 

Mais

Corrigir erros, método certeiro para fortalecer a mente e ampliar a consciência

 

Ninguém aprende errando, aprende ao corrigir os erros

 

 

Não permita que seus pensamentos te aprisionem

 

Ao longo de cada dia decidimos centenas de vezes.

Na imensa maioria das vezes são pequenas decisões.

É através destas pequenas decisões que reforçamos os modelos mentais que organizam a SEQUÊNCIA com que os pensamentos aparecem em nossa mente.

Estas sequências de pensamentos precisam ser sempre colocadas à prova. Afinal, você precisa continuar evoluindo.

 

Exemplo:

“No Afeganistão, uma mulher decente jamais deixaria um homem ver seus calcanhares.

A roupa que ela usa é um costume social.

Aceitando este costume ela repete e reforça um comportamento” (leia mais aqui).

Observe que a decisão começa com um pensamento (ser decente), depois vem outro (não quero passar vergonha), depois outro… (estas são as sequências de pensamentos).

Ela decidiu usar as roupas (burka) porque as sequências de pensamentos em sua mente a INDUZIRAM a esta decisão.

 

  • Com o tempo, estas sequências de pensamentos ( junto com os sentimentos e as sensações) vão se transformando em padrões que sempre se repetem e criam um modelo de funcionamento mental.

 

Mais

Entradas Mais Antigas Anteriores

%d blogueiros gostam disto: