Que a paz caminhe para dentro do meu coração

 

 

Que a paz alimente meu corpo e que o perdão me impeça de esquecer.

 

 

Que a paz caminhe para dentro do meu coração

 

e que a gratidão me ajude a agarrá-la com firmeza.

 

Sou o responsável por mim.

 

Sou o responsável pelo que se fortalece em mim.

 

Que a paz adentre em minha alma

 

e que a compaixão a mantenha viva.

 

Sou o responsável por mim.

 

Sou o responsável pelo que se enraíza em mim.

 

Que a paz alimente meu corpo

 

e que o perdão me impeça de esquecer.

 

Sou o responsável por mim.

 

Sou o responsável pelo que vive em mim.

 

Que a paz anime minha mente

 

e que a satisfação seja motivo para ofertar.

 

Sou responsável por mim.

 

Sou responsável pelo que escolho transmitir.

 

Que a paz se mantenha em mim

 

porque escolho acolhê-la e transmiti-la.

 

 

Regis Mesquita

[Mentalização 19, do Blog Caminho Nobre]

 

 

Facebook:  http://www.facebook.com/mesquitaregis

 

Terapia de Vidas Passadas: http://www.tvphipnose.com.br/

 

 

Para refletir:

 

O que cresce no seu interior é aquilo que você prepara o terreno, rega, cuida e ajuda a desenvolver.

A vida de todas as pessoas é cheia de estímulos diversos. Alguns são desprezados, outros são guardados e vários são guardados e alimentados.

Exemplo: em um único dia Maria foi desprezada e maltrada em uma loja, em outra loja foi bem tratada. Encontrou com sua mãe que lhe ama muito, foi trabalhar, conversou com amigos, voltou para sua casa, dormiu.

Uma semana depois, Maria conversa com conhecidos. Do que ela se lembra? Maria conta como foi maltratada na loja. Suas outras memórias ficaram desenergizadas; ou seja, ficaram em algum cantinho da mente sem serem alimentadas por sentimentos, pensamentos, ações e sensações.

Maria escolheu o que teria força dentro dela. Ela agiu de acordo com seu hábito. O resultado não é bom, pois Maria reclama de cansaço, stress, desânimo.

Maria não precisa esquecer dos maltratos; nem precisa alimentar e dar prioridade ao que é ruim. Outras memórias podem ganhar relevância, pois são tão reais e importantes quanto.

Privilegiar a sensação de ser amada, por exemplo, teria como consequência menos stress.

A verdade é que não dá para dar o mesmo tratamento para todas as memórias. Algumas são sempre selecionadas para receberem tratamento “especial”.

É preciso que você entenda que grande parte da sua vida depende destas escolhas. Assuma a responsabilidade de agir pela sua própria vontade e não por um hábito condicionado no passado.

 

Uma dica importante para ter uma vida mais equilibrada é a SINTONIA MENTAL.  Algumas pessoas te dirão para você ver o lado positivo das coisas. Não é isso. Se foi maltratada, ela tem que se lembrar dos maus tratos. Se foi bem tratada também tem que lembrar. Junto com cada uma destas lembranças deve estar mais forte as vivências nobres que guiam a mente, porque geram a sintonia. Por exemplo, pode estar mais forte a paz interior.

Neste exemplo, a paz seria a sensação BASAL da vida da Maria. A paz não a deixaria esquecer (deixar em um “cantinho” da mente) do amor da mãe, dos momentos de descanso, os sorrisos, o carinho, etc.

O cultivo dos sentimentos, ações e sensações mais nobres da vida permitem um EQUILÍBRIO.

Sem o cultivo do que é mais nobre, as memórias privilegiadas serão quase sempre as memórias “negativas”. As memórias “positivas” tendem a serem desprezadas.

Suponhamos que você tem que realizar um serviço e sua intenção é fazer bem feito. Neste momento você se sintoniza com níveis mais nobres na sua vida. Sintonizado com o que é mais nobre em sua vida você tratará as suas memórias baseado nesta sintonia.

Em outras palavras: o rancor de ser maltratada será diluído em um oceano de boa vontade, alegria, satisfação, carinho, bem estar, eficiência. O rancor perde sua força ao ser diluído em tanta nobreza. O reconhecimento de ter sido maltratado fica, mas os sentimentos inúteis (rancor, por exemplo) perdem a capacidade de “mandar” na mente da pessoa.

Ao criar uma sintonia nobre, é possível aprender com a realidade e (ao mesmo tempo) produzir uma vida recheada de energia, vibrações nobres e sabedorias.

Reforçando: para ter um tratamento equilibrado das memórias você tem que ter uma vida sintonizada com o que é nobre. Sem este equilíbrio, as memórias privilegiadas serão sempre as negativas ou as induzidas externamente.

Esta é a sua responsabilidade. Esta é uma boa forma de viver em paz, mesmo em meio a eventos desafiadores ou negativos.

 

 

Acompanhe as novidades do blog Caminho Nobre no Facebook.

Curta a página:  https://www.facebook.com/FilosofiaDoBomHumor

 

 

Imagem

 

Uma pessoa grita para um urubu:

– bicho feio, eu te odeio.

O urubu continua voando. Não deseja ser amado por aquela pessoa. Ele apenas quer ter paz e comer sua comida.

Vendo que o animal continua por ali, voando sossegado, o homem se enche de mais sentimentos negativos.

O urubu sequer percebe o homem com seus pensamentos e vibrações negativas.

O animal aproveita aquele momento para planar nos céus e tranquilamente procurar seu sustento.

O homem é muito insignificante, por isto ocupa pouco espaço na atenção do Urubu.

Quem estava em paz continuou em paz. Quem estava com raiva continuou com raiva. A raiva de um e a paz de outro tornaram-se mais fortes a partir deste momento.

Ao voltar para casa o homem continuará sintonizado com a raiva. Ao voltar para seu ninho o urubu continuará sintonizado com a paz. Esta sintonia que os ajudará a perceber, memorizar e interpretar os acontecimentos.

 

Regis Mesquita

https://twitter.com/tvidaspassadas

 

 

Campanha:

 

Siga o Blog Caminho Nobre por email.

 

Na coluna da direita, você encontra um lugar para digitar seu email. Após enviar seu email, você receberá um email de confirmação com link para você clicar e confirmar sua inscrição. Após esta confirmação você receberá todos os textos que forem incluídos no Blog Caminho Nobre.

 

 

Sou o responsável por mim. Sou o responsável pelo que se fortalece em mim.

 

 

Leia também:

 

Espíritos com mais consciência devem ser mais responsáveis

 

A super importante lei de reparação e redenção

 

Toda mãe deve aprender a se valorizar perante os filhos

 

Todo bem que tu plantares será retribuído em vosso interior

 

Gerando boas vibrações para dinamizar a vida

 

Vários textos que explicam o que é o Fator Mínimo

 

Eu estava no paraíso e não sabia

 

Sou o responsável pela minha vida

 

A arte de aumentar o próprio sofrimento

 

 

Tenha acesso a todas as IMAGENS com pensamentos do Blog Caminho Nobre para você compartilhar gratuitamente:

 

https://www.facebook.com/caminhonobre.regismesquita

ou

https://br.pinterest.com/regismesquita1/

 

 

 

DIREITOS AUTORIAIS:

 

Os textos do blog Caminho Nobre, escritos pelo seu autor Regis Mesquita, estão registrados junto ao escritório de direitos autorais da Fundação Biblioteca Nacional.

 

 

Anúncios que porventura apareçam neste blog são de inteira responsabilidade do WordPress, que é o destinatário dos lucros com eles obtidos, e não têm absolutamente nenhuma relação com o conteúdo ou com o responsável pelo Blog Caminho Nobre.

 

A única venda que este blog indica são os livros de seu autor, Regis Mesquita. Todavia, entendo que o WordPress, que hospeda gratuitamente este blog, tem que ter seus próprios meios de sobrevivência.

Anúncios

4 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Vania Menghi Nishimura
    abr 30, 2012 @ 16:45:32

    Que lindo! maravilhoso! Uma oração…
    Bjus

    Resposta

  2. Trackback: Eu percebo o bem que me fazem « Caminho Nobre
  3. Bel
    mar 04, 2014 @ 19:43:29

    Adorei, vou ler com os amigos!

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: