Mente Neutra, a mente que abraça o amor

 

 Você só sentiu minha falta quando me perdeu. Você desperdiçou o amor e abraçou a dor.

 

 

Os perigos da mente alienada

 

A parte mais nobre da mente humana são os pensamentos.

Através deles conseguimos refletir, planejar e organizar nossas ações.

 

A parte mais fantástica do pensamento é a capacidade de SIMULAR dentro da nossa mente ANTES de colocar algo em prática.

 

Explico:

você é convidado para um casamento que será durante o dia, em uma fazenda.

Você se questiona: como devo ir vestido? Será de terno ou menos formal?

Você pensa: vou perguntar para meu irmão.

Nesta hora você se lembra que seu primo é uma fonte de informação mais confiável e decide ligar para seu primo.

 

Mais

Todo bem que tu plantares será retribuído em vosso interior

 

 

Você não controla tudo o que acontece com você, mas pode controlar sua reação ao que acontece.

 

 

É dentro de ti que surgirão os melhores resultados de uma vida digna e nobre

 

Todo bem que tu plantares será RETRIBUÍDO em teu interior.

 

Não foque os resultados que são externos a ti.

 

Ninguém controla tudo o que acontece à sua volta.

 

Fuja da ilusão e encare a verdade.
Mais

Não esquecerei que sou um criador subordinado a Deus

 

Serei o que Deus quer de mim: criarei paz em meio à tempestade, criarei bondade em meio à bonança. Mentalização

 

 

Você precisa perder as ilusões e se entregar ao que é nobre

 

 

“O céu permite a tempestade, assim como a bonança.

 

Eu aceito o que Deus organizou.

 

Aceito a tempestade e aceito a bonança em minha vida.

 

Estou encarnado para viver intensamente,

 

perco a ilusão do controle

 

e me entrego ao Fluir.

 

Mais

Corrigir erros, método certeiro para fortalecer a mente e ampliar a consciência

 

Ninguém aprende errando, aprende ao corrigir os erros

 

 

Não permita que seus pensamentos te aprisionem

 

Ao longo de cada dia decidimos centenas de vezes.

Na imensa maioria das vezes são pequenas decisões.

É através destas pequenas decisões que reforçamos os modelos mentais que organizam a SEQUÊNCIA com que os pensamentos aparecem em nossa mente.

Estas sequências de pensamentos precisam ser sempre colocadas à prova. Afinal, você precisa continuar evoluindo.

 

Exemplo:

“No Afeganistão, uma mulher decente jamais deixaria um homem ver seus calcanhares.

A roupa que ela usa é um costume social.

Aceitando este costume ela repete e reforça um comportamento” (leia mais aqui).

Observe que a decisão começa com um pensamento (ser decente), depois vem outro (não quero passar vergonha), depois outro… (estas são as sequências de pensamentos).

Ela decidiu usar as roupas (burka) porque as sequências de pensamentos em sua mente a INDUZIRAM a esta decisão.

 

  • Com o tempo, estas sequências de pensamentos ( junto com os sentimentos e as sensações) vão se transformando em padrões que sempre se repetem e criam um modelo de funcionamento mental.

 

Mais

Autossabotagem: Fernando Pessoa descreve como a autossabotagem dirige a vida da imensa maioria das pessoas

 

 

 

Por Regis Mesquita

 

Os poetas são fantásticos, conseguem tornar claro o que antes era confuso.

Ao lerem o poema “Em Linha Reta” de Fernando Pessoa as pessoas têm a oportunidade de pensar:

a) Eu estou fazendo isto comigo?

b) Qual o preço que pago por esta escolha?

 

Poucos identificarão como autossabotagem o que é descrito no poema.

Mas, o preço que pagam por esta atitude é sabotar a própria qualidade de vida.

 

É difícil encontrar alguém que diz explicitamente: eu me saboto.

Uma das características da autossabotagem é fazer a pessoa ACREDITAR (mesmo que momentaneamente) que está levando vantagem ao agir contra si mesma.

 

Leia o poema “Em Linha Reta”, depois explico melhor:

 

“Nunca conheci quem tivesse levado porrada.
Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.

 

E eu, tantas vezes reles, tantas vezes porco, tantas vezes vil,
Eu tantas vezes irrespondivelmente parasita,
Indesculpavelmente sujo,
Eu, que tantas vezes não tenho tido paciência para tomar banho,
Eu, que tantas vezes tenho sido ridículo, absurdo,
Que tenho enrolado os pés publicamente nos tapetes das etiquetas,
Que tenho sido grotesco, mesquinho, submisso e arrogante,
Que tenho sofrido enxovalhos e calado,
Que quando não tenho calado, tenho sido mais ridículo ainda;
Eu, que tenho sido cômico às criadas de hotel,
Eu, que tenho sentido o piscar de olhos dos moços de fretes,
Eu, que tenho feito vergonhas financeiras, pedido emprestado sem pagar,
Eu, que, quando a hora do soco surgiu, me tenho agachado
Para fora da possibilidade do soco;
Eu, que tenho sofrido a angústia das pequenas coisas ridículas,
Eu verifico que não tenho par nisto tudo neste mundo.

 

Toda a gente que eu conheço e que fala comigo
Nunca teve um ato ridículo, nunca sofreu enxovalho,
Nunca foi senão príncipe – todos eles príncipes – na vida…

Mais

O menino que não sabe ser feliz (desejos criando sofrimentos)

 

 

Quando o ser humano aproveita seu potencial ele precisa de pouco.

 

 

A importância de ficar satisfeito mesmo quando fazemos o que não gostamos

 

Semana após semana, uma criança é levada para tomar passe em um centro espírita da cidade de Campinas.

Ele não gosta de ir lá.

Ele chora, berra, reclama, diz que quer ir embora, fica infeliz, impaciente, insatisfeito, nervoso, raivoso, agitado, agressivo…

É um espetáculo!

 

Mais

Sou um espírito e devo fazer boas escolhas para o espírito

 

Mentalização 7

 

 

A mentalização

 

“Eu sou um espírito, possuo um corpo provisório.

 

Com esta certeza, escolho o que é importante para meu espírito.

 

Meu compromisso é: não usarei de desculpas para me desviar da bondade e da verdade.

 

Mais

A paixão se transformando em amor

 

Deixe fluir tudo de bom que há em você

 

 

Quando a paixão acaba sobra o quê?

 

Uma mulher conta, com muita tristeza, o que está acontecendo em seu casamento.

Houve um tempo em que ela enxergava o marido como um super-homem.

Agora percebe que ele é tão inseguro quanto ela.

Ela via muitas qualidades nele, agora entende que seu parceiro é um homem comum.

 

  • Ela descreve com precisão um dos processos mais bonitos da vida a dois: a paixão acaba, para dar lugar ao amor.

Mais

Entradas Mais Antigas Anteriores Próxima Entradas mais recentes

%d blogueiros gostam disto: