O esforço mínimo está em fazer bem feito

 

prisao-mental

 

 

“Sou feliz por pura preguiça. Ser infeliz dá um trabalho danado”. Esta é uma frase espirituosa e verdadeira.
 
A maior parte das pessoas trabalha com a concepção mental de que fazer bem feito dá mais trabalho, tirar notas altas na escola exige maior esforço, e que precisa lutar muito na vida para ser feliz.
 
É verdade que para tirar notas altas na escola exige esforço. Mas, o esforço é muito menor que o esforço necessário para não aprender ou para aprender pouco.


 
É verdade que fazer bem feito dá trabalho. Todavia, o esforço é muito menor do que fazer mal feito.
 
É verdade que é preciso se esforçar para ser feliz. Contudo, é um esforço muito menor do que aquele que é necessário para ser infeliz.
 
Existe uma lógica na vida. A vida tem um Fluxo, para bloqueá-lo gasta-se mais energia do que para usufruí-lo.
 
Aqui cabe a analogia com a árvore (uma mangueira, por exemplo). Se ela quiser crescer e produzir frutos terá que se esforçar para ter os nutrientes. E se ela não quiser dar frutos e nem crescer? Ela terá trabalho dobrado. Ela terá que ficar bloqueando sua natureza, sofrer com a falta de nutrientes e se enfraquecer. Ou seja, ela gastará seu tempo e sua energia criando sofrimentos para si. Somente assim poderá conseguir não crescer e nem frutificar.
 
O mesmo acontece com os humanos. Se uma pessoa vai a uma loja e não é bem atendida, provavelmente ela ficará horas pensando na situação ruim, gerando tensão, criando fantasia e cultivando a pouca satisfação. O resultado? Nenhum. Usufruto? Pouquíssimo. Cansaço mental? Alto.
 
Ao ir à escola e não aprender a criança estará aumentando seu esforço e terá um usufruto muito menor. Ela já tem o esforço de ir e assistir a aula, terá o esforço posterior de tentar novamente aprender. A cada nova matéria, por não ter base, será mais difícil aprender. O principal, não desenvolverá um conjunto de qualidades que somente surge se for cumprida a função central da proposta; no caso, a aprendizagem.
 
O conjunto de qualidades que deixará de desenvolver na escola será: concentração, tolerância à frustração, perseverança, resiliência, entre outras. Todas são qualidades muito importantes que facilitam a vida de quem as possui. Por isto, o desenvolvimento de habilidades e qualidades diminui o esforço necessário para atingir os objetivos na vida.
 
O esforço mínimo está em aprender muito. O esforço mínimo está em fazer bem feito. O esforço mínimo está em desenvolver habilidades e capacidades.

 

Ainda tem dúvidas?
 
Lembre-se da sua vida. Houve uma época em que várias atividades cotidianas foram difíceis. Abrir a porta de casa, por exemplo. Quando criança, sem habilidade motora, abrir uma porta era um ato demorado, complicado e difícil. Você desenvolveu esta habilidade e abrir a porta se tornou fácil, simples e tranquilo. Esta é a vida de quem desenvolve sabedoria, habilidades e qualidades – as dificuldades são mais facilmente superadas, mais situações possuem um desfecho positivo e a vida corre com mais serenidade.

 

O sentido da evolução e do ganho de sabedoria humano é: do difícil para o fácil, do complexo para o simples e do imaturo para o maduro (veja mais).

 

Ao fazer bem feito você desenvolve habilidades e qualidades que te servirão em várias situações da vida. Uma pessoa para limpar bem uma casa tem que desenvolver a atenção, por exemplo. Esta mesma atenção poderá ser usada em várias outras situações (para assistir uma aula, por exemplo). Ou seja, o esforço bem direcionado hoje é um grande poupador de esforços ao longo da vida.

 

O menor esforço é sempre aquele que permite um ótimo aprendizado e o desenvolvimento de sabedorias, qualidades e habilidades.

 

Autor: Regis Mesquita

https://twitter.com/mesquitaregis
 

 

blog-caminho-nobre-no-facebook

https://www.facebook.com/ocaminhonobre/

 

 

Ajude o Blog Caminho Nobre recomendando esta postagem no G+, curtindo no Facebook, retuitando ou mandando o link deste texto por email.

 

 

 

 

 

Estude também:

 

Focar o presente e a simplicidade para amplificar a satisfação
 
Eu percebo o bem que me fazem
 
A arte de aumentar o próprio sofrimento
 
Pessoas que sofrem por causa da mente reativa
 
Mentalização: ótima opção para descansar a mente e sair do negativismo
 
Me aceito em minhas fraquezas, para viver minha força
 
Entenda como o Blog Caminho Nobre pode te ajudar na sua vida

 

 

Se você quer ser uma boa pessoa deve desenvolver sabedoria, habilidades e qualidades

 

 

Centenas de imagens com belos pensamentos para você compartilhar.

 

 

pura preguica

 

 

Anúncios que porventura apareçam neste blog são de inteira responsabilidade do WordPress, que é o destinatário dos lucros com eles obtidos, e não têm absolutamente nenhuma relação com o conteúdo ou com o responsável pelo Blog Caminho Nobre.
 
A única venda que este blog indica são os livros de seu autor, Regis Mesquita. Todavia, entendo que o WordPress, que hospeda gratuitamente este blog, tem que ter seus próprios meios de sobrevivência.

 

 

favoritos

Anúncios

5 Comentários (+adicionar seu?)

  1. alciney pacheco
    jul 13, 2012 @ 01:40:15

    e muito bom saber como lhe dar com tal situacao,qundo ela esta dentro de voce a psicologia nos traz isso mesquita…o q for possivel de conteudos interessantes eu o quero le e re-le.obrigado

    Resposta

    • regismesquita
      jul 15, 2012 @ 11:56:00

      Alciney, coloque o blog Caminho Nobre nos seus favoritos e venha visitá-lo de vez em quando. Sempre haverá novos textos para ajudar os leitores. Abraço, Regis Mesquita No twitter: @mesquitaregis

      Resposta

  2. Trackback: Mentalização para a maior de todas as vitórias | Caminho Nobre
  3. Trackback: A quietude da mente gera paz e serenidade | Caminho Nobre
  4. Trackback: Meu tempo é precioso e eu quero me oferecer o que há de melhor | Caminho Nobre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: